BPM como aditivo para gestão de serviços

O BPM é uma ferramenta de gestão que pode ser aplicado em diversos setores da economia: indústria, comércio e serviços. Especialmente neste último setor, a necessidade de coordenação de equipes pode significar barreira importante no crescimento da empresa ou mesmo ser o ponto final dela. O diferencial é a qualidade exigida pelo mercado. Sem ela teremos sérios problemas de gestão de serviços.

Para auxiliar as empresas prestadoras de serviço a não restringirem suas estratégias às planilhas excel e troca de e-mails, as ferramentas de gestão garantem o alto nível de qualidade na construção de uma relação de fidelidade com os clientes.

As empresas que dão prioridade ao cliente além das estratégias de marketing – buscando suprir suas reais necessidades e demonstrando uma conexão fidedigna – ganham destaque natural em seu nicho de atuação. Estudos recentes comprovam em números essa realidade: retorno de investimento bruto de em média 32% ao ano contra 14% das menos reconhecidas no mercado.

E é aí que entra a gestão por processos, uma ferramenta fundamental para a promoção de altos níveis de serviço. Graças à automatização de processos é possível promover transparência, definir responsabilidades entre as pessoas envolvidas, padronizar a comunicação, monitorar tarefas e agir de forma proativa evitando não conformidades e trabalhando para a melhoria continua dos serviços prestados.

O Supravizio BPM é uma dessas ferramentas que, unidas à adoção de políticas de remuneração, metas e desafios a serem cumpridos, pode garantir a excelência na prestação de serviços. Um dos clientes deste setor que utiliza a ferramenta, o Bureau Veritas, atesta aumento de 50% na produtividade após o uso do Supravizio (clique aqui para ler a matéria).

Outros problemas na gestão de serviços

Outro problema muito comum nas organizações é o chamado ‘turnover’ – quando a inteligência do negócio está na cabeça de uma só pessoa. Caso esse indivíduo tenha qualquer problema ou mesmo queira deixar a empresa, os transtornos podem ser fatais. O CEO da Venki Tecnologia, responsável pelo Supravizio BPM, Wallace Oliveira, garante que é vital para a operação que a inteligência esteja nos processos.

“É importante que exista uma ferramenta BPM que facilite a passagem de conhecimento entre as pessoas, garantindo a permanência dentro da empresa”.

Definir prazos e responsabilidades é outra dica do CEO facilmente implementada pela ferramenta de gestão por processos. Mesmo quando muitas atividades são terceirizadas, o chamado Business Process Outsourcing – Terceirização dos Processos de Negócio – pode ser um diferencial dentro das ferramentas BPM. Partindo do pressuposto que os processos de negócio são responsáveis por garantir o alto nível de qualidade dos serviços prestados, em caso de contratação de mão de obra terceirizada, o modelo de gestão BPO é adotado como uma estratégia corporativa capaz de oferecer benefícios que vão da redução de custo operacional com garantia de nível do serviço prestado até o estabelecimento de uma linha de produção orquestrada, aumento da produtividade com inovação e vantagem competitiva.

Por fim, outra diferencial interessante oferecido pela Venki é o Portal de Processos, que permite ao cliente ter visibilidade da prestação de serviços com total transparência. O Portal de Processos vem atender esta demanda por meio de uma aplicação web com características de mobilidade (tablet ou smartphone) onde um usuário com o perfil de solicitante ou gestor consiga iniciar, consultar e eventualmente realizar aprovações em ocorrências de processos.

Post anterior
Petróleo mal administrado é realmente um bom negócio?
Próximo post
Qualidade e produtividade com uso de ferramentas BPM

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu