Técnicas de criatividade ajudam a estimular a mente e deixá-la mais produtiva e dinâmica

É inegável que, em um mercado de trabalho constantemente mais afunilado e concorrido, para se destacar não basta mais apenas ser profissionalmente competente.

As empresas buscam por diversos diferenciais ao fazer contratações, principalmente para cargos de alta hierarquia como diretoria e gerência, e um dos diferenciais mais buscados é o da criatividade.

Mas o que significa ser criativo? Há uma tendência errônea das pessoas associarem criatividade única e exclusivamente à genialidade, às inspirações que surgem quase como uma epifania.

É verdade que muitas das grandes ideias da humanidade vieram em momentos como esse, mas pode ter certeza de que as pessoas que as tiveram além de terem um dom tinham também mentes treinadas, capacitadas para a formação de insights. E como qualificar a mente e deixá-la preparada para receber grandes ideias?

Especialistas afirmam que com as técnicas de criatividade certas é perfeitamente possível aumentar a capacidade inventiva da mente humana, forçando o cérebro a sair da zona de conforto e gerar pensamentos por diferentes vias e padrões.

Você deseja ser um profissional de mente inovadora, mais produtiva e dinâmica?

Confira uma seleção de seis das mais funcionais e utilizadas técnicas de criatividade do mundo, que já ajudaram muita gente e com certeza ajudarão você também.

Veja também: o Coaching Executivo é um dos métodos mais eficientes para o desenvolvimento de executivos de alta performance. Entenda o que é e avalie se sua empresa precisa de um curso de coaching.

Top 6 das melhores e mais práticas técnicas de criatividade

  1. Associação de ideias: técnica que estimula a criatividade por meio da combinação de objetos, palavras e conceitos, otimizando a memória.
  2. Brainstorming: técnica de criatividade clássica no ramo publicitário, consiste em dar vazão à mente e considerar toda e qualquer ideia que venha à cabeça, para depois iniciar um meticuloso processo de eliminação até chegar ao conceito ideal.
  3. Descontinuidade: consiste numa pequena mudança forçada de hábitos, fazendo com que a mente passe a enxergar o mundo de outra forma; pode ser realizada com coisas triviais, como começar a ir para o trabalho de bicicleta, correr diariamente no parque, etc.
  4. Mapa mental: essa técnica de criatividade serve para eliminar bloqueios e dar liberdade total à mente; comece escrevendo a problemática no centro de uma folha de papel e desenhe diversas linhas a partir dela, escrevendo no extremo de cada linha uma diferente palavra-chave; deixe a mente fluir e gere diferentes ideias a partir de cada uma das palavras-chave; depois vá estabelecendo conexões aleatórias entre cada uma das ideias, e finalize o exercício analisando cada uma das combinações que você criou.
  5. Comparações metafóricas: consiste em focar-se por alguns instantes no problema e, aos poucos, procurar articular comparações com coisas que, mesmo desconexas, possuam semelhanças.
  6. Inversão de hipóteses: técnica de criatividade que se baseia na inversão das ideias mais básicas de forma a encontrar novas e inovadoras abordagens para os mesmos problemas.

Por que trabalhamos tanto? Saiba a importância de outorgar responsabilidades para o sucesso do trabalho em equipe.

Post anterior
Descubra o que são controles internos e qual a sua importância na gestão empresarial
Próximo post
Dicas e exemplos de Análise SWOT – Aprenda a fazer

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu