Gestão de desempenho: conheça a chave da gestão moderna

Gestão do Desempenho Empresarial, também chamada de Gestão de Performance, tem como escopo a gestão das atividades da empresa de forma que seus objetivos estejam sempre sendo atendidos de forma eficiente e eficaz.

Na verdade, a Gestão de Desempenho pode ser classificada em função de seu objeto, por exemplo:

  • Gestão de Desempenho de Uma Organização.
  • Gestão de Desempenho de uma Empresa.
  • Gestão de Desempenho de um Unidade de Negócio.
  • Gestão de Desempenho de um Departamento.
  • Gestão de Desempenho de uma equipe.
  • E até Gestão de Desempenho de um colaborador.

Outra maneira de encarar a Gestão de Desempenho é usá-la para a gestão de processos, produtos e serviços.

Em nosso texto, vamos descrever as principais características desse modelo de gestão e também o uso que os departamentos de recursos humanos costuma fazer dele.

Veja também: Aumente seu desempenho melhorando seus processos de negócio

Gestão de Desempenho: uma alternativa contemporânea

No passado os modelos de gestão levavam em conta resultados anteriores, tanto financeiros quanto de produção, entre outros, para projetar desempenhos e condições futuras.

Hoje, um moderno sistema de Gestão de Desempenho permite acompanhar em tempo real o que acontece na empresa, trazendo agilidade nas decisões e a possibilidade de ajustes rápidos que permitem alcançar os objetivos com mais eficiência e eficácia, além de  diminuir custos e aumentar a lucratividade.

Outro aspecto importante da Gestão de Desempenho é permitir a melhoria continua dos processos, por meio de atividades de gestão que se tornam muito mais fáceis:

  • Avaliar.
  • Monitorar.
  • Controlar.
  • Planejar.
  • Melhorar.

A competitividade extrema, os novos mercados e a globalização trouxeram desafios para as empresas que só podem ser respondidos com uma gestão ágil, flexível e inovadora, veja alguns desses desafios a serem superados:

  • Operações mais complexas.
  • Maior risco e incerteza.
  • Consumidores mais exigentes.
  • Concorrência globalizada.
  • Valorização das pessoas e do conhecimento.
  • Necessidade constante de inovação.

Nesse contexto, o uso da tecnologia da Informação na gestão de negócios se tornou imprescindível. E um Sistema de BPM, como o HEFLO, oferece uma resposta eficaz a essas demandas.

Gestão de Desempenho e Recursos Humanos

O conceito de Gestão de Desempenho tem sido atrelado ao desempenho profissional de colaboradores quase como um sinônimo de gestão por objetivos. Ao contrário do que muitos pensam, este sistema pretende valorizar o trabalho dos funcionários, ligando de forma clara performance com remuneração. Seus principais benefícios podem ser assim resumidos:

  • Visão compartilhada dos objetivos da empresa.
  • Motivação de pessoas e equipes.
  • Diminuição de rotatividade de pessoal.
  • Valorização dos colaboradores.
  • Melhoria de desempenho individual e em grupo.
  • Atingimento de objetivos estratégicos da empresa.

A Gestão do Desempenho deve ser encarada como um ciclo onde o colaborador deve seguir a seguinte ordem:

  • Entender o que a empresa espera dele, seus objetivos e metas.
  • Mostrar que atendeu as expectativas.
  • Corrigir eventuais falhas.
  • Planejar sua capacitação para superar esses desafio.
  • Ser premiado em função de seu desempenho.

Para que o colaborador possa percorrer este ciclo de forma satisfatória, algumas atividades devem ser desenvolvidas pelo departamento de Recursos Humanos:

  • definição de funções.
  • determinação clara dos objetivos individuais.
  • apoio aos colaboradores e feedback.
  • análise do desempenho.
  • capacitação para diversas competências.
  • remuneração em função do desempenho.
  • formação e desenvolvimento de pessoal.

Confira: Processos de recursos humanos. A resposta segura para a gestão de pessoas.

Exemplos de medidas de desempenho

Por muito tempo algumas empresas mediam seu desempenho unicamente em função de resultados financeiros ou, no máximo, de participação de mercado.

Hoje o desempenho deve considerar muitas outras esferas, como cultura, aprendizado, inovação, sustentabilidade e ética. Neste contexto, trazemos dois exemplos para medida de desempenho mais usados atualmente.

Verdadeira moda corporativa, este sistema se destina a avaliar, medir e otimizar o desempenho das organizações levando em consideração 4 eixos de performance:

  • Financeira.
  • Clientes.
  • Processos internos.
  • Aprendizado e conhecimento.

Veja mais: Entenda em detalhes o que é Balanced Scorecard

Baseado numa metodologia que define “mapas de sucesso” em função do que os stakeholders esperam, permite a divisão dos objetivos em “camadas”, dando uma visão mais ampla e global do desempenho.

Confira: 5 aplicações concretas da tecnologia BPM para sua empresa

Como você viu, em algumas empresas a Gestão de Desempenho está totalmente focada no desempenho dos colaboradores, em outras, o conceito é mais amplo e estratégico. Seja qual for o caso de sua empresa, ferramentas de BPM podem ser extremamente úteis e eficazes.

Post anterior
Sistema de controle de processos Venki: o melhor do mercado
Próximo post
Processos empresariais: conheça os 3 tipos principais

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu